• http://www.aveiro.com.pt

Diretório de Empresas


Publicite Aqui

Visitas

HojeHoje622
Esta SemanaEsta Semana1468
Este MêsEste Mês1468
TOTALTOTAL1287865
Statistik created: 2021-03-02T14:43:58+00:00
Rádio TerraNova
Notícias
  • Oliveira do Bairro: Autarca sugere aos empresários que protestem por falta de ligações à A1.
    Ter, 02/03/2021 - 10:09

    O Presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Bairro, Duarte Novo, criticou o Governo pela não inclusão da ligação à A1, reivindicada em conjunto com o Município de Anadia, no Plano de Recuperação e Resiliência (PRR).

    A criação de um nó de Acesso à Autoestrada do Norte (A1/IP1), que beneficiaria as zonas industriais dos concelhos de Oliveira do Bairro e Anadia, é uma revindicação antiga de ambos os municípios, que, ao longo do tempo, têm aproveitado todas as oportunidades para apresentar os seus argumentos junto dos sucessivos governos e governantes.

    O líder da autarquia bairradina informou o Executivo e a Assembleia Municipal que avançou com “uma reclamação junto das entidades competentes”, na fase de audiência prévia do plano, que terminava a 1 de março.

    Paralelamente, a Câmara Municipal enviou uma carta aos empresários do Concelho para que se associem a esta causa e solicitem ao governo, de forma individual, a integração no PRR, como investimento prioritário, da criação de um nó de ligação à A1/IP1, em localização que beneficie as zonas industriais dos Municípios de Oliveira do Bairro e Anadia.

    Duarte Novo mostrou-se bastante crítico com o PRR, considerando que se trata de um plano “sem estratégia e que não dá resposta aos empresários”.

    Também no âmbito social, o líder da autarquia de Oliveira do Bairro defende que o documento “não demonstra um caminho claro de como as IPSS podem aproveitar as linhas de apoio”, criticando ainda a inexistência de referências ao investimento na ampliação do Hospital Infante D. Pedro, em Aveiro, que também serve os munícipes de Oliveira do Bairro.

    “Portugal não é só Lisboa e Porto”, criticou Duarte Novo, defendendo que “o Concelho de Oliveira do Bairro e a Região de Aveiro merecem muito mais” do que o previsto no PRR.

    A reivindicação do autarca de Oliveira do Bairro seguiu integrada num documento da Comunidade Intermunicipal da Região de Aveiro (CIRA) intitulado “Plano de Recuperação e Resiliência de Portugal - Parecer e Contributos”, onde são elencados, entre outros aspetos, quatro “omissões e pontos fracos a corrigir” no PRR, nomeadamente a “Capacitação do Centro Hospitalar do Baixo Vouga (CHBV) / Ampliação do Hospital de Aveiro e Qualificação dos Hospitais de Águeda e Estarreja”, “Vias para a Competitividade (PIMTRA - Plano Intermunicipal de Mobilidade e Transportes)”, no qual se integra a questão da construção do referido nó de acesso à A1, “Qualificação da Ria de Aveiro, Defesa Costeira e Gestão das Alterações Climáticas” e “Ligação Ferroviária Aveiro / Viseu / Salamanca e o Porto de Aveiro”.

     

    Tópicos: 

    Categoria: 



  • Feira de Março e Maratona Europa só em 2022.
    Ter, 02/03/2021 - 09:51

    Aveiro decide a suspensão dos grandes eventos de 2021.

    Feira de Março e Maratona Europa ficam adiados para 2022 devido ao Estado de Emergência em tempo de pandemia.

    Esse cancelamento respeita o Decreto Presidencial do prolongamento do Estado de Emergência até dia 16 de março, bem como a inexistência de plano de desconfinamento relativo à Pandemia da Covid-19.

    A autarquia sublinha que em “primeiro lugar está a saúde de toda a população” e que este é o desfecho natural apesar da “grande mágoa” mas com “devido sentido de responsabilidade”.

    “Apesar de toda a expetativa criada em 2020 de que poderíamos voltar em 2021, bem como as medidas definidas pela Câmara Municipal de Aveiro no Programa de Ação de Apoio à Atividade Social e Económica (PAAASE) 2021, com a redução de 50% dos valores a suportar pelos participantes, constata-se que não se encontram minimamente reunidas as condições para realizar um evento desta envergadura”.

    Ainda assim, a autarquia espera permitir ao setor das diversões um evento de animação no recinto exterior do Parque de Feiras e Exposições.

    Tudo vai depender das condições de segurança e legais para o efeito.

    A Maratona da Europa 2021 também fica à espera de 2022.

    Câmara de Aveiro, Turismo do Centro de Portugal e Globalsport acordaram em cancelar a edição de 2021 reservando a data de 24 de abril de 2022 para a segunda edição.

    “As três entidades consideram que não se encontram reunidas as condições para a realização de um evento com a participação de milhares de pessoas, como é a Maratona da Europa, agendada para o próximo dia 25 de abril, sendo igualmente muito difícil prever outra data durante o ano de 2021, enquanto não estiver criada a imunidade de grupo com a disseminação do programa de vacinação”.

     

    Categoria: 



  • PSP: Concluída a primeira fase de vacinação de agentes do comando distrital.
    Ter, 02/03/2021 - 08:56

    A comandante distrital da PSP admite que o seu primeiro ano de liderança em Aveiro foi marcado pela pandemia.

    A Superintendente Virgínia Cruz falou no dia em que o Comando Distrital de Aveiro assinalou os 134 anos de vida.

    Em ano de confinamento e com 120 autos levantados no âmbito da legislação “COVID-19”, a responsável diz que foi possível manter a atividade adaptando rotinas e recorrendo ao espírito de equipa.

    Assegura que a presença na rua e o contacto com os cidadãos não se perdeu (com áudio)

    Na luta contra a Covid, a superintendente diz que o comando distrital não está imune ao que se passa na sociedade civil.

    Ontem os agentes concluíram a primeira toma da vacina numa altura em que o número de casos é residual (com áudio)

    A PSP em ano de adaptação a uma nova realidade no policiamento.

     

    Tópicos: 

    Categoria: 



  • Atletismo: Ricardo Freitas vice campeão nacional de lançamento.
    Ter, 02/03/2021 - 08:25

    A Federação Portuguesa de Atletismo, com a colaboração da Associação de Atletismo de Aveiro, organizou o Campeonato Nacional de Lançamentos Longos (Inverno) na zona de lançamentos do Estádio Municipal de Vagos, competição que contou com a participação do atleta do Grecas Ricardo Freitas.

    Ricardo Freitas (na foto) participou na prova de lançamento do disco 2 Kg, sagrando-se vice-campeão nacional com um lançamento de 51.67 realizado ao quarto ensaio, marca que passa a constituir novo recorde pessoal.

    Entretanto, durante o fim de semana, a Federação Portuguesa de Atletismo, com a colaboração das associações de Braga, Leiria, Santarém, Lisboa e Algarve, fez disputar o Campeonato Nacional de Esperanças (Sub23), que contou com a participação de onze atletas do Grecas.

    O grande destaque vai para a estafeta de 4x400 metros, masculina, composta pelos atletas Henrique Eugénio, João Ferreira, Tiago Santos e Pedro Mirassol que, apesar do segundo lugar na prova, garantiu o título de campeã nacional.

    Hugo Duarte foi outro atleta em grande destaque pois garantiu o título de vice-campeão nacional na prova de triplo salto, confirmando “acentuados progressos” nesta especialidade com um novo recorde pessoal de 14,57, a que juntou o quarto lugar na prova de salto em comprimento com 7,08, muito perto do seu melhor resultado.

     

     

    Categoria: 



  • Aveiro: PCP celebra centenário na rua em ação de luta.
    Ter, 02/03/2021 - 08:16

    O Partido Comunista Português prepara a celebração dos 100 anos do PCP no distrito de Aveiro.

    Esta primeira semana de Março vai permitir ações de contacto com os trabalhadores do distrito de Aveiro o que faz do centenário do PCP “uma jornada de luta”.

    A semana terá o seu momento alto no sábado, dia em que se assinala o centenário da fundação do PCP, em 6 de Março de 1921.

    Sob o lema «Liberdade, Democracia, Socialismo – Pelos direitos, a melhoria das condições de vida e o progresso social. Contra a exploração e o empobrecimento», o PCP leva à rua “a denúncia dos problemas com que o País está confrontado e a exigência de uma política que responda aos problemas, aos anseios e reivindicações dos trabalhadores e do povo português, da alternativa patriótica e de esquerda, pela democracia avançada, pelo socialismo”.

    No distrito de Aveiro, no dia 6 de Março, pelas 15h, as iniciativas de comemoração do Centenário do PCP irão realizar-se em Aveiro, na Avenida Dr Lourenço Peixinho, em frente ao Centro de Trabalho, no Luso (Casal de de Stº António) e em Espinho (Largo José Salvador).

     

     

    Tópicos: 

    Categoria: 



  • Campeonato de Portugal: Anadia bate Águeda e isola-se na liderança da série D.
    Ter, 02/03/2021 - 08:11

    O Anadia bateu o Recreio de Águeda, por 3-1, e assume a liderança isolada da série D do Campeonato de Portugal com três pontos de vantagem sobre o Canelas e ainda menos um jogo disputado.

    Esta partida conta para a 18ª jornada da série D do CP.

    Época quase perfeita da equipa de Anadia que segue rumo à fase de subida aos campeonatos profissionais.

    Na próxima jornada o Anadia recebe a Sanjoanense em ronda que leva o Beira-Mar ao terreno do Lourosa.

    Categoria: 



  • Aveiro: Municípios da Região juntos contra falta de fundos do PRR para a ampliação do hospital.
    Ter, 02/03/2021 - 07:53

    Os Municípios da Região de Aveiro já deram “Parecer e Contributos” da Comunidade Intermunicipal na consulta pública do Plano de Recuperação e Resiliência de Portugal.

    Com recurso à Estratégia Integrada de Desenvolvimento Territorial da Região de Aveiro analisam ponto por ponto o enquadramento dado a algumas dessas apostas e dizem que o documento inicial está aquém do pretendido.

    Acentua-se a crítica à falta de enquadramento para investimentos na área da saúde que na região aposta tudo na ampliação do hospital Infante D. Pedro e na qualificação do Centro Hospitalar do Baixo Vouga.

    Quanto a “omissões e pontos fracos”, a CIRA diz que falta a capacitação do Centro Hospitalar do Baixo Vouga (CHBV) / Ampliação do Hospital de Aveiro e Qualificação dos Hospitais de Águeda e Estarreja com valor previsional de 180 milhões de euros.

    Faltam acessos rodoviários à A1 para as Áreas de Acolhimento Empresarial (AAE) de Anadia e de Oliveira do Bairro e o Prolongamento da EN224 para a Murtosa (até à EN109-5), de importância para a Área de Acolhimento Empresarial da Murtosa.

    Os Municípios queriam garantir investimento no PRR para a qualificação da Ria de Aveiro, Defesa Costeira e Gestão das Alterações Climáticas e a Ligação Ferroviária direta de Aveiro a Viseu e Salamanca.

    “Este investimento de expressão Nacional e em especial nas Regiões do Norte e do Centro, irá propiciar às empresas exportadoras para a Europa uma oferta de transportes competitiva e ambientalmente equilibrada, em bitola europeia para a devida integração na rede ferroviária europeia, com um troço novo entre Aveiro e Viseu, e a utilização do traçado da Linha da Beira Alta entre Mangualde e Guarda, saindo para Espanha por Vila Franca das Naves”.

    Trata-se de um investimento estimado de 1.2 mil milhões de euros.

    As 11 autarquias pedem ao Governo abertura de um processo de concertação ao nível do Conselho de Concertação Territorial e do Conselho de Concertação Social, para definir as áreas de projeto e os projetos que serão financiados com as verbas do Portugal 2020 (que ainda tem verbas e execução até ao final de 2023), com o PRR e com o Quadro Financeiro 2021/2027 (o Portugal 2030), de forma a poderem maximizar a utilização de fundos.

    Pedem “articulação e complementaridade” como forma de saber quais os meios a que recorrer de forma eficiente.

    O documento subscrito por todos os autarcas entende que o PRR padece de um “grave deficit de participação do País na sua elaboração” e ignora as propostas apresentadas por diversas entidades como, por exemplo, o Conselho Regional do Centro.

    Realça a “secundarização da Saúde” o que não aceita uma vez que o PRR “nasce de uma crise social e económica que tem origem num problema sanitário, numa Pandemia que veio evidenciar ainda mais fragilidades estruturais do Sistema Nacional de Saúde”.

    Saúda o investimento previsto em Cuidados Primários mas lamenta a falta de meios para hospitais com exceção para 196 M€ para equipamentos dos Hospitais de Lisboa, Sintra e Seixal. “A Saúde, que assume a Componente 1 do PRR, tem apenas 9,8% da dotação financeira do PRR e 24% da dotação do pilar da resiliência, o que é manifestamente insuficiente e incoerente com a situação que vivemos”.

    As autarquias criticam a “Visão e Opções Centralizadas excessivamente em Lisboa”, o “Papel pouco relevante dos Municípios”, a Transição Climática sem atender às zonas de maior risco e a falta de maior ambição na economia e empreendedorismo.

    Há também notas positivas para a integração de rodovias (“Eixo Rodoviário Aveiro - Águeda”, assim como do “IC35. Sever do Vouga / IP5 (A25)”, “EN333. Ligação do Nó de Águeda do IC2 à EN235 em Perrães, para acesso à A1” e a “Ligação do Parque Empresarial do Casarão ao IC2”), Habitação Social com as Autarquias, Áreas de Acolhimento Empresarial e Cuidados Primários de Saúde.

    O apelo das autarquias vai para a definição de um modelo de governação do PRR que esperam ver nas mãos de entidades já existentes.

    “O PRR é seguramente um instrumento muito importante para materializar essa estratégia e para apoiar a recuperação social e económica da Região de Aveiro, da Região Centro e de Portugal, sendo que tem de ser cuidada a sua complementaridade com o Quadro de Fundos Comunitários 2021/2027, assim como com outros instrumentos financeiros onde incluímos as receitas dos orçamentos dos Municípios e da Comunidade Intermunicipal”.

     

    Tópicos: 

    Categoria: 



  • Águeda: Apurados vencedores da Fase Municipal do CIL.
    Seg, 01/03/2021 - 18:21

    Já foram apurados os alunos que vão representar o Município de Águeda na 3.ª Fase do Concurso Intermunicipal de Leitura (CIL), que irá decorrer, no próximo mês de abril, em Oliveira do Bairro.

    Os vencedores por cada ciclo de ensino (1.º, 2.º, 3.º e Secundário) foram selecionados na passada quinta-feira, na fase municipal que decorreu através de uma plataforma online.

    O Concurso Intermunicipal de Leitura é um concurso escolar, promovido pela Rede de Bibliotecas da Comunidade Intermunicipal da Região de Aveiro (CIRA), dirigido a todos os estabelecimentos de ensino da rede pública e privada dos 11 Municípios que compõem a CIRA.

    Este concurso surge no âmbito do trabalho colaborativo desenvolvido pela Rede de Bibliotecas da CIRA, com o intuito de proporcionar à comunidade educativa uma oportunidade renovada de estimular, nos alunos, o gosto pelo livro e pela leitura.

    Tendo em conta a conjuntura que vivemos atualmente, a Fase Municipal do CIL, nesta edição 2020/2021, decorreu ontem e em formato online. A iniciativa foi organizada pelo Grupo de Trabalho da Rede de Bibliotecas de Águeda, que é constituída pela Biblioteca Municipal Manuel Alegre e pelas Bibliotecas Escolares do Concelho.

    Esta fase contou com a presença de 32 alunos de todos os ciclos de ensino dos Agrupamentos de Escolas de Águeda e Escolas Secundárias do Concelho.

    Os primeiros classificados de cada ciclo vão representar o Município de Águeda na Fase Intermunicipal do concurso, que este ano decorrerá em Oliveira do Bairro, numa sessão que deverá decorrer no mês de abril e onde serão selecionados os alunos que vão representar a região na fase final do Concurso Nacional de Leitura, agendada para junho.

    A Lista completa está disponível no site da Autarquia.

    Categoria: 



  • Avança o processo de requalificação da Zona Industrial de Oliveira de Azeméis.
    Seg, 01/03/2021 - 17:40

    O anúncio do Concurso Público para a requalificação da Zona Industrial de Oliveira de Azeméis foi já publicado em Diário da República com o preço base de 285.400 euros, acrescido de IVA.

    Esta é uma obra considerada prioritária "enquadrando-se na política de requalificação das zonas industriais do Concelho numa perspetiva de atração de novos investidores e do reforço da competitividade empresarial".

    “A modernização das zonas industriais é fundamental para oferecermos melhores condições aos nossos empresários sendo este um investimento estratégico para atrairmos ainda novas empresas, criando mais emprego e riqueza no concelho”, afirma o presidente da Câmara, Joaquim Jorge.

    Categoria: 



  • PSP deteve cinco pessoas nas últimas horas.
    Seg, 01/03/2021 - 16:55

    A Polícia de Segurança Pública de Aveiro procedeu à detenção de cinco cidadãos.

    Em Aveiro e São João da Madeira, ttrês pessoas com idades compreendidas entre os 18 e os 28 anos, foram 'presas' por condução sem habilitação legal para o efeito.

    Um homem, de 34 anos, residente em Aveiro, em cumprimento de um Mandado de Detenção e Condução, com o intuito de ser presente a interrogatório judicial, no âmbito de um processo de 'Violência Doméstica'.

    Um homem, de 29 anos, residente em Aveiro, em cumprimento de um Mandado de Detenção e Condução, para cumprir uma pena de 80 dias de prisão subsidiária, "por não ter cumprido com a pena de 120 dias de multa à taxa diária de 6 euros", no âmbito da prática do crime de condução sem habilitação legal. "À data, o detido efetuou o pagamento da multa, no valor de 720 euros, pelo que foi libertado, de imediato".

    Categoria: 



Font changer Font changer Font changer

Notícias

Concelhos

Publicite Aqui

Webfeel